“Succession” é uma série de televisão americana criada por Jesse Armstrong, que estreou na HBO em 3 de junho de 2018. A série segue a vida da família Roy, dona de um império midiático global, à medida que os membros lutam pelo controle do negócio e pela aprovação do patriarca Logan Roy. Com um elenco estelar, incluindo Brian Cox, Jeremy Strong, Sarah Snook, Kieran Culkin e Matthew Macfadyen, “Succession” rapidamente se tornou uma das séries mais populares e aclamadas pela crítica da HBO.

Ads

Review do filme Succession

A série começa com o 80º aniversário de Logan Roy, o patriarca da família, e a luta pela sua sucessão iminente. Logan é um homem impiedoso e egoísta que controla a empresa com mão de ferro, e seus filhos – Kendall, Roman, Shiv e Connor – estão todos lutando para impressioná-lo e ganhar seu apoio. Cada personagem tem suas próprias falhas e defeitos, e nenhum deles é totalmente simpático. No entanto, o enredo é habilmente escrito para que o público se sinta investido no destino de cada personagem.

O elenco é excelente e cada ator traz algo único à série. Brian Cox é particularmente impressionante como Logan Roy, transmitindo uma sensação de perigo e autoridade em cada cena. Jeremy Strong é igualmente bom como seu filho Kendall, um executivo que está lutando contra o vício em drogas enquanto tenta se firmar como líder da empresa. 

Sarah Snook é brilhante como Shiv, a filha mais nova de Logan, que é inteligente e ambiciosa, mas muitas vezes incapaz de se comprometer com qualquer coisa. Kieran Culkin é hilário como Roman, o filho mais novo de Logan, cujo comportamento infantil muitas vezes o coloca em conflito com os outros membros da família. E Matthew Macfadyen é divertido como Tom, o marido de Shiv, que é frequentemente usado como um peão pelos outros personagens.

Humor mordaz

“Succession” é uma série que brilha em seu humor mordaz e em seu retrato de uma família disfuncional lutando pelo controle de uma empresa bilionária. A série é habilmente escrita e dirigida, com diálogos afiados e momentos de tensão emocionante. O ritmo da série é lento em alguns pontos, mas geralmente consegue manter o público interessado, graças às performances excelentes do elenco e à direção segura.

Uma das coisas mais interessantes sobre “Succession” é a forma como ela retrata a cultura corporativa e a elite financeira americana. A série é uma crítica afiada ao capitalismo desenfreado e à busca implacável pelo lucro. Logan Roy e seus filhos são retratados como seres humanos falhos, obcecados pelo poder e pela riqueza. A série mostra como essas características podem levar a uma completa falta de empatia e compaixão pelos outros. Em última análise, “Succession” é uma meditação sobre o que é necessário para ser bem-sucedido no mundo empresarial, e o preço que se paga por essa busca implacável pelo sucesso.

Enredo toma um caminho inesperado

Outra grande qualidade de “Succession” é a forma como a série evita clichês e armadilhas óbvias. Muitas vezes, o enredo toma um caminho inesperado, desafiando as expectativas do público e mantendo a série fresca e surpreendente. Além disso, a série não tem medo de fazer com que os personagens sofram as consequências de suas ações, mesmo que isso signifique que eles sofram grandes perdas pessoais e profissionais.

Outro aspecto interessante de “Succession” é a sua representação de relações familiares disfuncionais. Embora a família Roy seja incrivelmente rica e poderosa, eles lutam com os mesmos problemas que qualquer outra família: rivalidade, ciúmes, mágoas e traições. A série mostra como esses problemas se intensificam quando a família está lutando pelo controle de uma empresa global, e como a luta pelo poder pode mudar as dinâmicas familiares de forma irrevogável.

Em termos de direção e cinematografia, o filme é impressionante. A série é filmada de forma elegante e sofisticada, com cenas frequentemente iluminadas por tons de dourado e âmbar que refletem a riqueza e o luxo da família Roy. A trilha sonora da série é igualmente impressionante, com músicas que variam de hip-hop a clássica, criando uma atmosfera tensa e emocionante.

Conclusão

No geral, “Succession” é uma série de televisão excepcionalmente bem-feita. Com uma escrita afiada, performances excelentes e uma direção impressionante, a série consegue equilibrar a comédia, o drama e a tensão emocionante de forma habilidosa. 

Ao retratar uma família disfuncional lutando pelo controle de um império midiático, “Succession” oferece uma crítica afiada à cultura corporativa e à elite financeira americana, além de uma reflexão sobre as consequências de buscar o poder e o sucesso a qualquer custo. Se você está procurando por uma série cativante e emocionante, é definitivamente uma que vale a pena conferir.

Veja também: Assistir Novelas e Tv Gratis pelo Aplicativo; veja como

12 de abril de 2023

Leave a Reply

Your email address will not be published.